Brasil garante resultados históricos das Olimpíadas de Inverno

O esporte brasileiro está, mais uma vez, em evidência. Apesar de não ser um país com neve, o Brasil fechou os Jogos Olímpicos de Inverno de Pequim com dois resultados inéditos.

No bobsled masculino, o quarteto formado por Edson Bindilatti, Edson Martins, Erick Vianna e Rafael Souza terminou em 20º, melhor colocação do país na modalidade. Já no skeleton, Nicole Silveira fez a estreia olímpica do Brasil no evento e conseguiu chegar à final, onde ficou em 13º. A participação de Nicole foi a melhor da delegação brasileira em provas de gelo das Olimpíadas de Inverno.

Em entrevista ao Globo Esporte, o o presidente da Confederação Brasileira de Desportos de Neve (CBDN), Anders Petterson, ressaltou sua satisfação com o desempenho do time na competição. “Superamos a nossa expectativa, quebramos recordes e fizemos 14 largadas. Isso nunca tinha acontecido. O recorde anterior era de 13. Comparando com a última Olimpíada, dobramos de sete largadas para 14”, conta Petterson.

Para a próxima edição, o Brasil terá novos atletas e muita esperança de ir cada vez mais longe nos Jogos de Inverno. Quem sabe até mesmo conquistar a tão sonhada primeira medalha.

 

 

Últimas Notícias

Dia do Tenista

Em homenagem ao Dia do Tenista, vamos celebrar o estilo e a resiliência! Seja nas quadras profissionais ou nos jogos amadores, encontramos a paixão por

Leia mais »

Parceiros

Entidades